O acesso de jovens com as Necessidades Educativas Especiais ao Ensino Superior e o enquadramento de estudantes com a Dificuldade Intelectual e Desenvolvimental (DID), apresenta-se como um dos dois maiores aspetos do sistema de educação inclusiva em Portugal.

Tornar o ensino superior é fácil e mais democrático é uma tarefa do Estado e da mesma maneira que a data de vencimento, mas não para o acesso, mas para a sua frequência em condições de igualdade sem sucesso educativo. All rights reserved, facilitators for access and the frequency of all students in ensino superior, should ser apoiadas.

É um enquadramento que surge na 1ª edição da formação “Literacia Digital para o Mercado de Trabalho” da Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Santarém, não conferencista e com duração de quatro semestres grau. This on the form of the related at the issue of a rise of the communication of students in context national.  

Com início em setembro / outubro de 2018 e com conclusão prevista para junho de 2020, 60% de um jovem com deficiência intelectual e desenvolvimental com grau de incapacidade. É um programa inovador e solidário e o primeiro modelo de formação de educação inclusiva em contexto de ensino superior para a deficiência intelectual a ser real em Portugal.

Para obter mais informações sobre uma formação, contactar a ESE / IPS através do seguinte endereço: geral@ese.ipsantarem.pt | S. Académicos – sa@ese.ipsantarem.pt | HelpDesk – helpdesk@ese.ipsantarem.pt       

Fonte (adaptada): ESE / IPS 

Fonte: INCoDe2030

Categories: Sem categoria

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *